Knights of Sidonia

kos1

Por Felippe Espinelli

Tsutomu Nihei, um artista influenciado pela cultura cyberpunk e com um passado na área da arquitetura, publicou um mangá de mecha por meio da Kodansha. A publicação foi bastante elogiada. Em 2014, a Polygon Pictures se interessou pela obra e produziu o anime da obra de Nihei: Knights of Sidonia.

A história segue Nagate Tanikaze, um jovem que foi criado pelo seu avô Hiroki Saito em um mundo subterrâneo. O protagonista desde criança utiliza um sistema de treinamento virtual para pilotos de mechas lutarem contra as criaturas chamadas gaunas. Com a morte de seu avô e com muita fome, Nagate ignora os avisos do falecido Hiroki e resolve ir para a superfície encontrar comida. Ele acaba sofrendo um acidente ao tentar roubar arroz de uma fábrica. Ao acordar, Tanikaze percebe que sempre esteve na colônia espacial chamada Sidonia. A nave gigante é a última esperança da humanidade de não ser extinta pelos gaunas. Kobayashi, a capitã da nave, pede para que Tanikaze sirva como guardião de Sidonia, um piloto de mecha que coleta recursos no espaço e luta contra as criaturas.

kos2

Por mais que a história seja considerada simples, se assemelhando com o conceito de colônias espaciais encontradas na franquia Gundam, o universo de Knights of Sidonia é bastante rico. São diversos personagens interessantes como, por exemplo, Lala Hiyama, uma humana com aparência de ursa com um braço robótico que é responsável pelo dormitório. Todos os habitantes de Sidonia são resultados de manipulação genética, por esse motivo, realizam fotossíntese e não possuem sexo definido até encontrarem seu parceiro ideal ou realizarem a escolha por eles mesmo. Apesar das personalidades diferentes, a caracterização dos diversos personagens é pobre com muitos traços iguais. Isso fica muito bem evidenciado pelas vinte e duas irmãs gêmeas Honoka. A expectativa era um pouco maior pelas capacidades técnicas de Nihei. O autor foi ilustrador da mini série “Wolverine: Snikt!”, uma publicação da Marvel para o público oriental que recebeu algumas críticas negativas, mas que possuía ilustrações formidáveis.

kos3

Os conflitos contra as criaturas são fenomenais. Os gaunas possuem formas variadas com algumas servindo para atingir o psicológico dos humanos. Os humanos enviam grupos de mechas e por trás deles, existe uma estrutura de comando com a capitã de Sidonia no topo dando ordens aos seus subordinados no campo de batalha. Outro tipo de conflito existente é o político e social com disputas de poder e aparecimento de grupos que pregam uma solução pacífica para a guerra. Um conselho a ser dado. Não se apegue a um personagem, pois Sidonia está em guerra contra os gaunas. As mortes de personagens durante as batalhas são frequentes assim como em outro anime, Attack on Titan.

 

Cada temporada de Knights of Sidonia possui 12 episódios com o enredo se desenvolvendo em uma boa velocidade. A trilha sonora, composta por Noriyuki Asakura (Rurouni Kenshin), e a qualidade técnica do anime são boas. Knights of Sidonia utiliza o cel shading como forma de animação. O resultado é, no mínimo, diferente do tradicional visto no mundo dos animes podendo causar uma certa estranheza nos primeiros episódios. Essa técnica é bastante utilizada no mundo dos games, podendo ser vista nos títulos Okami, Borderlands, Dragon Ball Z: Budokai e The Legend of Zelda: The Wind Waker. Ainda no mundo dos games, Hideo Kojima (Metal Gear) elogiou bastante o anime pelo uso da técnica e o conteúdo apresentado. Terminou falando que Knights of Sidonia é o cavaleiro branco que irá resgastar a graça da cultura japonesa.

kos4

Veredito final: O anime é excelente. O autor fez de tudo para que Sidonia fosse uma colônia espacial credível. A primeira e segunda temporada já estão disponíveis na Netflix. Já existe dublagem em português com o Tanikaze sendo dublado por Fábio Lucindo, o Kuririn de Dragon Ball Z, Ash de Pokémon, Kiba de Naruto, entre outros.

Game Designer aprendiz, baixista mediano e mago implacável. Amante de RPGs mas tem Metal Gear como série favorita. Busca dominar magias de controlar o tempo e zerar todos os jogos que comprou na Steam e na PSN.