Primeiras impressões – Cardcaptor Sakura: Clear Card

AVISO: Contém alguns spoilers da série original e do episódio!

Vamos logo ao que interessa porque um dos animes mais Kawaii dos anos 90 está de volta. Estamos falando de Cardcaptor Sakura: Clear Card ou como chamavamos aqui no BR, Sakura Card Captor.

SINOPSE

O anime não é um remake da série original e sim, uma sequência. Ele se passa após os eventos da série original onde Sakura Kinomoto ficou na cidade de Tomoeda, enquanto Syaoran foi para Hong Kong prometendo que iria voltar. Sakura inicia seu primeiro ano do ensino médio no mesmo colégio de suas amigas incluindo Tomoyo e sua câmera.

Após as aulas o momento mais Kawaii do episódio, o grande reencontro entre Sakura e Syaoran. Para quem é fã da série, esse momento não podia faltar. Após diversas cenas mostrando os antigos personagens da série, Sakura tem um sonho estranho onde cartas transparentes aparecem junto de um personagem misterioso. Assustada, Sakura acorda, abre seu livro e percebe algo muito estranho. Todas as cartas Sakura estavam transparentes. O que será tudo isso?

Impressão

A primeira coisa a se falar aqui é que fizemos o máximo para tirar a nostalgia da análise, mas esse anime veio como um trator de lembranças e memórias da época. Tudo o que um fã da série gostaria ele vai achar nesse episódio. Reapresentação dos personagens com direito a suas piadas e momentos (principalmente os momentos stalkers da Tomoyo), reencontro emocionantes, um pouco de magia e claro, altos níveis de Kawaii. Até fãs novos devem gostar da continuação, pois no início do episódio temos um recap muito curto da série original. O problema maior será entender a importância de alguns eventos e personagem durante o episódio. Por último, o andamento do episódio foi muito similar ao da série original. A impressão no final foi que Cardcaptor Sakura nunca saiu de nossas vidas.

Falando da parte técnica, a qualidade da animação está muito boa, em especial nos momentos mais mágicos. Entretanto, por se tratar de uma animação da Madhouse a expectativa era de algo beirando a excelência visto que é um anime que terá um público muito grande. Agora essa opening está perfeita! O trabalho da Saori Hayami como compositora foi quase perfeito, senão fosse pelo tema de encerramento que não chama muita atenção.

Em resumo, vejam esse anime. Tem tudo pra ser o anime sensação dessa temporada de inverno 2018. Para os mais novos que nunca assistiram a série original, é possível ver a série sem ter visto a original, mas grande parte da magia se perde.